Entenda por que Steve Jobs baniu o Flash

A briga entre a Apple e a Adobe estava tão feia por causa da polêmica do Flash no iPhone que Steve Jobs escreveu uma carta esclarecendo fatos e explicando o posicionamento da sua empresa sobre a questão.

A Apple não “aceita” colocar o Flash pelos seguintes motivos:  abertura de plataforma;  confiabilidade, segurança e performance; autonomia de bateria; incompatibilidade de touch com projetos em Flash; e finalmente, a barreira que uma ferramenta cross-platform poderia proporcionar no desenvolvimento e evolução de apps para a plataforma móvel da Apple.

Diferença entre Android e iPhone

Jobs conclui o texto reconhecendo o potencial que o Flash trouxe para PCs na era do mouse, mas afirmando que seus benefícios não mais se aplicam aos dispositivos móveis. Segundo ele, a tecnologia da Adobe não é mais necessária para o consumo de conteúdos na web (nem mesmo para vídeos), e recomenda que desenvolvedores sigam padrões modernos como HTML5, CSS e JavaScript — todos adotados e suportados pela Apple.

Quanto à criação de aplicativos e jogos ricos para consumidores, Jobs cita o acervo de 200.000 títulos (novo número oficial) da iPhone App Store como uma grande prova de que ninguém precisa do Flash para isso. “Talvez a Adobe devesse se focar mais em criar boas ferramentas HTML5 para o futuro, e menos em criticar a Apple por deixar o passado para trás”.

Resumindo, não vai ter Flash em iPhone, iPad e iPod Touch pronto e acabou! O que vocês leitores acham? O texto na íntegra, em inglês, pode ser lido clicando aqui.

Fonte: Guanabara.info

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s