Anonymous promete ataque contra o Facebook em novembro

v for vendetta Anonymous promete ataque contra o Facebook em novembroTodo mundo fica nervoso com algumas configurações exigidas pelo Facebook, ou então por qualquer outra rede social, ou até mesmo aqueles bugs infernais que existem por aí, mas ninguém ficaria tão nervoso a ponto de tentar fazer um ataque à maior rede social do mundo.

O grupo Anonymous, no mês passado, publicou um vídeo, porém, este só foi descoberto ontem. O grupo esta planejando uma operação chamada de “Operação Facebook” o que eles querem fazer é deixar o site inativo, ou então apenas conseguir causar algum dano na rede social, nem que seja apenas por minutos. A operação terá início no dia 5 de novembro, segundo o vídeo.

Na descrição do vídeo podemos encontrar alguns dos vários fatores que eles dizem estar contribuindo para essa operação. Um dos motivos seria que a empresa está disponibilizando informações dos usuários para agências do governo americano, talvez seja por isso o fato de as configurações serem tão confusas e também por causa da dificuldade de você conseguir deletar uma conta no Facebook.

A divulgação do vídeo pode acarretar uma série de coisas, podemos com certeza dar o nome de faca de dois gumes à essa atitude, pois serve para o grupo hacker  conseguir mais contribuidores e mais seguidores, mas também pode ser tempo o bastante para que o Facebook consiga reorganizar suas centrais de segurança e se assegurar desta possível invasão.

A invasão, se formos nos basear nos outros ataques do Grupo Anonymous à outros sites, pode ser feita através do DDoS. Nem todos os participantes do grupo concordam com tal operação, mas isso já era uma atitude esperada, visto que é um grupo que não tem nenhum líder, exatamente.

Anúncios

Removendo Links quebrados do seu blog do wordpress

Texto escrito pela galera do TB

 

 

Quando você escreve um post e cria links para vários artigos que podem interessar ao seu leitor, não espera que esses links possam mudar de direção algum dia, ou pior, serem retirados do ar. Mas acredite, eles vão.

E um link quebrado pode ser bastante frustrante para o leitor que precisava daquelas informações. Ruim para o leitor e igualmente ruim para o Google: Você sabia que links quebrados podem influenciar negativamente no rankeamento de uma página?

Removendo links quebrados

Remover esses links quebrados manualmente é uma tarefa impossível. Ainda mais em um blog do tamanho do TB que já tem mais de 7 mil posts publicados. Por isso fui obrigado a procurar uma solução automatizada e encontrei um este plugin para WordPress.

O Broken Link Checker varre todos os posts do blog em busca de links internos e externos. Então ele acessa cada link e checa o HTTP Status do link, criando uma lista que separa links quebrados e links que estão redirecionando para outras páginas.

Lista de links quebrados nos posts do Tecnoblog

Antes de você conferir link por link, o plugin já marcou todos com rel=nofollow, uma indicação para que os robôs de busca ignorem aquele link. Você também pode colocar uma cor diferente nesses links, para que o leitor entenda de cara que ele está com problemas. Eu gosto da solução padrão do plugin -> colocar um risco sobre o link.

Repare pela imagem que é fácil mandar o plugin remover todos os links quebrados de uma vez, mas esse processo é extremamente pesado, uma vez que o script precisa acessar todos os posts, remover link por link e salvar as alterações. Tente executar esse comando em pequenos grupos de links e vá aumentando aos poucos, ou você corre o risco de derrubar o seu servidor (isso se a execução do script não for interrompida pelo sistema).

Links que redirecionam para outro endereço

Imagine que você criou um link que apontava para uma página sobre aceleração de prótons e alguns meses depois o dono da página resolve redirecionar aquela url para uma página com “Fotos da Sandy nua pelada e sem calcinha tomando devassa e falando que anal é coisa séria”.

Legal hein, champs?

Pode acontecer do seu leitor gostar mais dessa página do que da outra que você tinha linkado, mas quem certamente não vai gostar desse redirecionamento é o Google.

Na página de relatórios do Broken Link Checker você também encontra uma lista de links que foram redirecionados para outras páginas. Aí é só checar e decidir o que fazer com eles, no mesmo esquema dos links quebrados.

Não era bem isso eu tinha linkado…

Este recurso também é muito útil caso você tenha mudado a URL de algum post do blog. Usando o campo de busca dá pra criar um filtro e ver apenas links internos. O próprio plugin consegue corrigir o redirecionamento para as urls certas.