Enviando mensagens para computadores na rede ou dominio

Dica do IDEVAR

Bom, gente.. hoje vou falar de algo que muitos andam questionando nos fóruns que eu participo. O famoso serviço “mensageiro”, do Windows XP, ficou tão famoso, a ponto de diversos usuários leigos utilizarem ele por linha de comando. Quem nunca viu alguém clicar no “Iniciar”, “Executar” e digitar “NET SEND fulano vamos almoçar onde hoje???” rs rs… O comando NET SEND faz parte do mensageiro do Windows XP, e só funciona se esse serviço estiver ativado. Muitas empresas aboliram o uso do NET SEND justamente por isso. Certa vez, vi um cidadão digitar NET SEND * Olá!. O asterisco, quando liberado, simplesmente envia mensagens instantâneas a todos os usuários que estão conectados ao mesmo servidor. Imagine… cerca de 500 pessoas receberam a mensagem. Sorte dele não ter sido mandado embora rs… depois disso, o administrador da rede desativou o uso do NET SEND.

O NET SEND não é usado só para brincadeira. Aliás, usá-lo como brincadeira é apenas uma de suas utilidades. Vários softwares o utilizam como maneira de trocar mensagens, até mesmo com servidores de banco de dados.

A novidade, no Windows Vista e, consequentemente no Windows 7, é: onde está nosso amigo NET SEND? Experimente digitar o comando e terá uma surpresa: o serviço “NET” ainda existe, porém foi retirada a função SEND, certamente por alguns problemas de segurança. E agora??? Não fique triste: muitos não perceberam, mas o Microsoft implementou um novo substituto ao NET
SEND: o MSG. Isso mesmo: MSG. Basta digitar esse comando no prompt de comando e verá que existem várias formas de utilizá-lo, inclusive a mais simples sendo semelhante ao seu avô NET SEND.

Veja só o exemplo, digitado no prompt de comando do Windows 7:

Sintaxe:
MSG /server:maquina123 Idevar Hello World
(onde “maquina123″ é o nome da máquina de destino e ”Idevar” é o nome do
usuário de destino)

Resultado do uso do comando “MSG”

Tão simples assim? É isso aí… lembra o nosso velho NET SEND. É possível ainda, como no NET SEND, usar o nome do servidor. como na sintaxe abaixo:

MSG /server:<servidor> <usuário> <mensagem>

Digite apenas “MSG” e veja todas as opções disponíveis:

Enfim… teste na sua casa ou no trabalho. Tente usar o famoso “msg fulano Vamos almoçar?” enquanto ainda estiver habilitado na sua rede… rs…

Obs: o MSG não precisa do serviço mensageiro ativo.

Erros possíveis no envio das mensagens:

Após alguns comentários de problemas de funcionamento, realizei novos testes e cheguei à solução de alguns erros comuns.

“Erro 5 ao obter nomes de sessão”

Possível motivo: caso você esteja em uma rede de domínio e o envio da mensagem
não ocorrer, talvez se faça necessário alterar a chave de registro “AllowRemoteRPC” para “1″ em cada máquina local, no seguinte
caminho do REGEDIT: HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Terminal
Server

<usuário> não existe ou está desconectado

A máquina que receberia a mensagem precisa ter o usuário de origem como
administrador da máquina de destino. Exemplo: usuário “pedro” quer enviar uma
mensagem para o usuário “joao”. A máquina utilizada pelo usuário “joao” precisa
ter o usuário “pedro” como administrador. Sobre essa necessidade, estou
tentando localizar mais informações a respeito, caso o usuário não possa ser o
administrador.

Problema no envio entre máquinas Windows XP e Windows Vista/7 ou vice-versa

Não localizei formas de integração para o envio pelo comando “MSG” de máquinas Vista/7 para máquinas Windows XP, assim como o NET SEND de máquinas Windows XP para máquinas Vista/7.

Outros erros: sempre verifique o Firewall. Em algumas situações, notei que o Firewall ligado era o problema que bloqueava as trocas de mensagens. Algumas políticas de segurança na rede também podem bloquear o envio. Neste caso, é necessário verificar com o administrador da rede.

Saiba todas as informações sobre qualquer domínio

O Domain Tools é uma ferramenta online gratuita, que te permite pesquisar informações sobre domínios da internet, saber quem é o dono, numero de telefone e até mesmo endereço caso esteja disponível.Ele possui diversas outras opções como um cadastro gratuito que te permite acompanhar um domínio específico no caso de qualquer mudança, além de ferramentas de DNS entre outras várias.É um site bem completo, vale a pena conferir.