Com apoio de Steve Ballmer, Gates tentou comprar ações de Allen: Allen comenta

Paul Allen costuma ser pintado como um homem discreto. Tem gente que até hoje não sabe que ele fundou, junto com Bill Gates, uma empresa quase desimportante chamada Microsoft. Até agora ele ficou quieto sobre a ascensão ao poder de uma das maiores empresas do mundo, mas parece que chegou o momento de falar. E isso pode não agradar seu parceiro Gates.

“Idea Man”: livro contém essas e outras histórias

 

Em um livro cujo lançamento está previsto para meados de abril nos Estados Unidos, Allen conta que ninguém menos que Bill Gates tentou tirá-lo da empresa que ajudou a fundar. Lá em 1982, apenas sete anos depois da MS vir ao mundo, Allen enfrentava um câncer que o fez se afastar de suas funções na empresa.

Não é que ele ouviu uma nada agradável conversa entre Gates e Steve Ballmer, o atual CEO da Microsoft? Paul Allen conta em “Idea Man” que os dois executivos estavam discutindo maneiras de diminuir a sua importância na empresa. Queriam que as ações de Allen se tornassem opção de compra para outros funcionários, preferencialmente aqueles que continuassem a trabalhar diariamente na companhia.

Allen, que estava iniciando seu retorno à Microsoft, não gostou muito do que ouviu. Tempos depois, Gates e Ballmer pediram as devidas desculpas e deram esse episódio por encerrado.

Mas não termina por aí. Em outro momento, Bill Gates fez uma proposta para comprar as ações de Allen. O magnata pretendia pagar 5 dólares por ação, o que fez Allen desistir do negócio. O que Gates não sabe é que Allen aceitaria receber 10 dólares por ação. Caso o negócio fosse concretizado, o Gates controlaria uma parte ainda maior da empresa e estaria ainda mais rico.

Enquanto isso, Paul Allen viraria um Eduardo Saverin da vida. Em vez de vislumbrar o futuro, vende suas ações por um preço inferior ao que está por vir.

Com informações: Yahoo News.

Fonte:Tecnoblog

Anúncios

Certificação na area de virtualização

Texto do colega Vinicius Apolinario da Microsoft

Virtualização é um assunto que está sendo absurdamente abordado nas empresas. Desde as pequenas até grandes organizações perceberam que os ganhos com virtualização são imensos, uma vez que você consegue otimizar recursos e aumentar a economia em diversos pontos. Logo, capacitar-se em Virtualização será um diferencial em sua carreira. Se você está pensando em se destacar no mercado, com certeza as certificações em Virtualização irão lhe ajudar muito.

Abaixo, você poderá escolher dentre as provas disponíveis na carreira MCTS:

Exame Nome
70-659 TS: Windows Server 2008 R2, Server Virtualization
70-669 TS: Windows Server 2008 R2, Desktop Virtualization
70-652 TS: Windows Server Virtualization, Configuring

Para demonstrar grande experiência e tornar-se um profissional com maior visibilidade, você poderá obter a certificação MCITP:

Exame Nome
70-693 PRO: Windows Server 2008 R2, Virtualization Administrator

No site da prova, você poderá conferir todo o conteúdo de cada prova, assim como os materiais que podersão ajudá-lo nos estudos. Boa sorte nas provas!

Faça um tour virtual pela Biblioteca de Strahov e se impressione com imagens de 40 Gigapixels!

Passeie pela Biblioteca do Monastério de Strahov

A Biblioteca do Monastério de Strahov, na República Tcheca, agora está ao alcance de qualquer pessoa conectada à internet. Estamos falando, mais precisamente, da seção de Filosofia, que agora figura online na maior fotografia já capturada de um ambiente interno.

A imagem foi criada a partir de quase 3 mil fotos de alta resolução, capturadas individualmente. Juntas, essas imagens formam uma fotografia de 280 mil x 140 mil pixels e 40 Gigabytes, ou 400 bilhões de pixels. Se impressa, a foto teria 23 metros de comprimento.

O fotógrafo Jeffrey Martin levou cinco dias para construir essa impressionante panorâmica de 360 graus. Navegando pela imagem, o visitante é capaz de ver detalhes que passariam despercebidos até mesmo em uma visita à própria biblioteca, como títulos e texturas das lombadas de livros antigos e até mesmo as rachaduras e pinceladas da pintura no teto da sala.

Fonte:baixaki

Casa de ferreiro, o espeto é de pau: Site oficial do MySQL é invadido usando SQL Injection

Em mais um exemplo de como o ditado “casa de ferreiro, espeto de pau” é verdadeiro, um ataque recente ao site mysql.com não só foi bem sucedido, como os crackers também acessaram e roubaram diversas  informações cruciais. A ironia da história? A invasão foi realizada através de uma simples SQL Injection!

 

Ataques de SQL Injection normalmente acontecem em sistemas amadores, onde os desenvolvedores (por desconhecimento ou desatenção) não sanitizam as chamadas ao banco de dados, impedindo a inclusão de comandos SQL via adição de código extra. Por exemplo, um simples:

SELECT * FROM 'clientes' WHERE 'id'=1

Pode virar um pesadelo simplesmente adicionando um comando extra, através de chamadas GET ou POST:

SELECT * FROM 'clientes' WHERE 'id'=1;DROP TABLE 'usuarios';

Onde o segundo comando apagaria toda a tabela “usuarios”. Ou seja, o truque mais bobo do manual. E é exatamente essa falha que foi explorada no site oficial do MySQL, por incrível que pareça.

Da invasão, foram obtidas listas de usuários, com seus e-mails e suas respectivas senhas criptografadas. Tais listas já foram divulgadas pela internet, e algumas até mesmo já foram quebradas, revelando dados curiosos: um diretor do MySQL tinha uma senha com apenas 4 (quatro!)  caracteres!

A recomendação dos responsáveis pelo site é que, se você tiver uma conta no mysql.com (ou nos espelhos mysql.fr, mysql.de e mysql.it), que acesse o quanto antes e altere a senha atual. Se essa senha for comum para contas em outros sites, faça o mesmo nesses serviços.

thumb-mysql-myfail
Fonte:Tecnoblog

Technet Wiki – Comece a contribuir já!

Mas afinal, o que é o Technet Wiki?

O Technet Wiki se baseia no conceito Wiki de colaboração de documentos. Lá é criada uma coleção de documentos para compartilhamento com todos os outros membros da comunidade e com a internet no geral. Basta você fazer o logon com seu live id e começar a contribuir. E todos os participantes podem editar artigos de outros membros (daí a forma de colaboração), porém fazendo isso de forma consciente, sabendo realmente se o que está alterando está correto.

E como começo a contribuir?

É fácil. Como falei no text anterior, faça o logon na página: http://social.technet.microsoft.com/wiki/, utilizando seu live id e clique em:

clip_image002

Bom, mas não é só clicar e sair escrevendo. Há algumas boas práticas para seguir, para manter o bom funcionamento e qualidade do site. Para saber mais sobre, há um menu na página inicial, conforme figura abaixo. Passe pelos 4 itens e comece a entender como usar o Technet Wiki.

clip_image004

Uma boa prática para os Brasileiros é sempre colocar (pt-BR) no título da postagem e sempre na tag a cada final de artigo. Outras dicas para postar no idioma NÃO inglês podem ser visualizadas no seguinte link: http://social.technet.microsoft.com/wiki/contents/articles/wiki-non-english-language-title-guidelines.aspx.

Houve um bate papo com a comunidade Technet BR onde o Yuri Diógenes passou algumas dicas sobre o Wiki, veja aqui um resumo: http://yuridiogenes.wordpress.com/2011/03/15/sumrio-do-bate-papo-com-a-comunidade/.

Veja também o código de conduta e as regas do Technet Wiki.

O Technet Wiki também está no Twitter, você pode utilizar a hash tag #TNWiki. Sempre dê um RT dela pra ajudar a contribuir.

E a comunidade brasileira está indo muito bem nessa, dê uma olhada nesse post: http://yuridiogenes.wordpress.com/2011/03/18/a-comunidade-it-prodev-br-mostrando-seu-diferencial/#comment-84. Estamos no top 5, primeiro e segundo lugar.

O Yuri Diógenes é um dos organizadores do Wiki, você pode acompanhá-lo no Twitter e em seu blog para tirar mais dúvidas a respeito.

Eu tenho compartilhado meus artigos do Blog lá também, dêem uma olhada depois na tag PT-BR, já tenho artigos lá. clip_image006

Fonte:PortalTecnologia

Super micro câmera japonesa

Parece um brinquedo, mas é na verdade uma câmera digital de verdade!

A Thanko Micro Camera CAM DX é minúscula, com apenas 45 x 29 x 10 milímetros e 14 gramas de peso, mas poderosa com 8 megapixel filma avi com qualidade 1280×960 / 30fps e tira fotos jpeg com resolução de 3264×2448. A micro-câmera tem suporte para cartões de memória microSD e microSDHC até 32 GB.

A Thanko Micro Camera custa ¥7.980 (R$163) na Thanko.

Fonte: DigitalDrops